Rafael “Raafa” Lima do CS:GO é o entrevistado do NEXP Podcast

O CS:GO é um dos games que mais se popularizam entre o público, ficando lado a lado com League of Legendes e Free Fire, muitas dessas vezes, é totalitário em liderança da audiência. Os players de CS sempre em evolução, surgindo a todos os momentos, buscando espaço no cenário de e-sports, veteranos, são aqueles que já tem um respeito entre diversas equipes, acumulam títulos e confiança dos fãs. E o entrevuiustado do 18º episódio do Angústia Nerd é um cara mais que especial dentro do Counter-Strike: Global Offensive! Rafael Lima, o “Raafa” da Vivo Keyd, foi presença nos microfones do NEXP Podcast.

A entrevista exclusiva de Raafa já está disponível nas principais plataformas de áudio. Deezer |  Apple Podcast | Google Podcasts e Spotify.

Rafael Lima é um dos nomes fortes do CS:GO, agora presente no line-up da Vivo Keyd ao lado de PEU (Pedro Lucas), YJ (Lucas Yuji), Ponter (Gabriel Amaral) e ABR (Abraão Soares). A Vivo busca grandes voos no cenário do e-sports e conta com essa equipe para a glória. Raafa foi campeão do CLUTCH Circuit, o Brasileirão de CS:GO, organizado pela BBL, na ocasião Rafael defendia as cores rubro-negras da W7M Gaming, sendo um dos destaques da competição.

Um início na lan house de São Paulo, Rafael largou a faculdade de desenho industrial para virar um player profissional de CS:GO, teve que esconder de sua família que hoje tem muito orgulho de Raafa. Em suas inspirações, Fallen no Brasil e o ucraniano “s1mple” é a inspiração internacional, Rafael atua como AWP no CS por causa de Fallen.

“Eu cobro bastante quem está junto comigo porquê era algo automático em times que passei e para eles que são novos, a cobrança estimula a melhorar sempre, é muito importante. Qualquer garoto novo sabe que para melhorar não pode ficar estagnado, relaxado. Eu fui essa pessoa e hoje sei quanto isso faz falta!”

CS:GO: Brasil domina final da ESL La League S4 e revela novos talentos | Campeonatos | TechTudo

“Você precisa ter personalidade, saber se adaptar, saber aprender, precisa de bastante coisa, saber que ali é um novo time, não é o que você jogava antes, são outras quatro cabeças que pensam muito diferente das quatro cabeças que vc deixou para trás, não adianta querer que eles façam o que o outro time fazia, se não você ficava no outro time”

Você pode acompanhar Rafael “Raafa” Lima pelas redes sociais: Twitter e Instagram

Sobre Klaus Simões 133 artigos
Jornalista pela FIAM, Técnico em Comunicação Visual pela Etec de São Paulo, especialista em coberturas de eventos, esportivas e musicais, geek e alternativo. Responsável pelo NEXP Podcast.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*